quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Aos anos que passaram e aos que virão

 Pensei que aos vinte e cinco já teria casa, família, dinheiro.
 Descobri que casa é  onde quero estar e esses locais podem mudar conforme o tempo.
Aprendi que família É ESCOLHA.
Preciso começar a guardar esse tal de dinheiro.

Ainda estou negociando com 2017, se ele no final valerá a pena ou se vou fingir que nunca ocorreu.😂
As coisas importantes :
- Voltar para casa dos pais não é fácil.
- Está tudo bem desistir de alguma coisa.
- A pós-graduação é superestimada.
- Algumas pessoas apenas ficam para trás. Sem brigas.
- Não vale a pena me justificar.
- Sou ilha,mas tenho algumas pontes.

Hoje sou beeeem(desse jeito mesmo) menos empolgada com a vida e pessoas.
Ainda acredito que podemos ser melhores,mas sei que o caminho é lento.
Sempre que olho para o céu e sinto o sol só consigo pensar em como é bom estar viva.
Sei que estou parada entre a decepção da pós e algo muito legal. Os passos estão mais lentos do que eu gostaria e isso serve para me lembrar que não controlo tudo e preciso entender o tempo  das coisas.

Feliz 25,Tassia! Nem consigo imaginar onde e o que estaremos fazendo até o próximo ciclo.
Respire fundo. Siga em frente. Alegre-se.



Relembrando

o que mais sinto falta é de como você me amava.
 mas o que eu não sabia é que seu amor por mim tinha tanto a ver com quem eu era. 
era um reflexo de tudo o que eu dei pra você. voltando pra mim. como não percebi isso. 
como. pude ficar aqui imersa na ideia de que mais ninguém me amaria daquele jeito. 
se fui eu que te ensinei.
 se fui eu que mostrei como preencher. do jeito que precisava ser preenchida. 
como fui cruel comigo. 
te dando crédito pelo meu calor só porque você o sentiu. 
pensando que foi você quem me deu força. inteligência. beleza. 
só porque reconheceu essas coisas.
como se eu não fosse tudo isso antes de te conhecer. 
e se não continuasse depois que você se foi.

Rupi Kaur

Aos começos

Então vai, desliza no ar pra me dizer:
"Nada voltará, nada voltará"
Sigo em frente, vou pra ver no que vai dá
Lavo a minha alma, faço a mala
E me despeço daquilo que fui
Planto o que virá crescer
Planto o que virá crescer!
Sigo em frente
Planto o que virá crescer
Mostra quem é, vence a batalha pra qual se desafiou
A hora é essa. Vou!

Rancore - Planto

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

---


Limpo a lama dos pés 

Continuo andando
Ferido e mancando pra frente 
Andando
(...)
Pela fé que me move
Mas confio na vida
A fé que me guia
Não enxergo mais nada
Confio na vida


NX zero

Quem me visita aqui :D